Sprint / Thomas Srougi

A MENTALIDADE CERTA COMO VANTAGEM COMPETITIVA

Logo, I.A. se tornará uma commodity — e a cabeça do empreendedor-usuário é que vai fazer a diferença

Em última instância, todas as empresas de saúde existem para gerar engajamento. Entre médicos e pacientes, entre pacientes e programas de cuidados de saúde, entre pacientes e medicação. Por meio de engajamentos bem-sucedidos, podemos evitar que as pessoas adoeçam, podemos curar, reduzir custos sem sacrificar qualidade e podemos controlar doenças crônicas para uma vida melhor e mais feliz.
Acredito que o que irá diferenciar as organizações de saúde modernas não é apenas a capacidade de adotar tecnologia, que já virou uma commodity, mas a capacidade de superar seus pares em como facilitar a construção de conexões pessoais e de alto valor para usuários e médicos. Isso é o que realmente importa.
Como reduzir custos com saúde, como ser assertivo, como fornecer respostas mais rápidas e, no final das contas, como construir conexões pessoais e verdadeiras de forma sustentável. Imagino que essas sejam as questões que os melhores líderes de saúde discutem com suas equipes todos os dias.

GloboMais.jpg

Gostou? Para ter acesso a essa reportagem completa e ao conteúdo integral da edição, acesse a Época Negócios pelo aplicativo Globo+, que está disponível na Google Store e na iTunes Store. 

GoogleStore.png
AppStore.png